quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Sonhos




Sonhos


Anorkinda Neide e Jane Moreira

Sonhos que ferveram
Em águas calientes
Desejos se provaram
De formas diferentes

A vida, recipiente
De forças que vieram
Da Unidade senciente
E se satisfizeram

Dos sonhos ferventes de desejo
E das águas límpidas da emoção
São trajetos que antevejo:
Caminhos do amor e paixão

Acalentados são esses caminhos
Da Unidade Consciente.
Muitas flores há, sem espinhos...

Mas não há por ali muita gente.