segunda-feira, 8 de setembro de 2014

De chuva e sofrimento

De chuva e sofrimento

Jane Moreira e Lena Ferreira







Rua deserta,
chuva caindo de mansinho,
quase fazendo um carinho
na minha face triste e cansada...


E me faz desacelerar o passo
e respirar alegria nesse momento.
Esquecendo todo o cansaço,
faço da chuva meu linimento.


A chuva aperta
encharca o caminho
e eu sigo sozinho
nessa caminhada


Não mudo o passo;
lavo minha alma
na chuvarada
e seco o sofrimento









Nenhum comentário:

Postar um comentário